Prisão preventiva para homem que usava burla para comprar carros sem os pagar

Uma investigação da divisão policial da Polícia de Segurança Pública de Oeiras, que decorria há meio ano, culminou na passada quinta-feira, na detenção de um homem de 25 anos por nos últimos meses obter vários carros à venda na internet através de burla.

O suspeito fazia-se passar por um comprador interessado nas viaturas e após negociar um preço simulava uma transferência bancária no montante acordado pela compra, fabricando para isso um comprovativo bancário falso.

As viaturas eram então mudadas de proprietário, legalmente através da respetiva documentação de compra e venda, permitindo ao homem se apoderar das viaturas sem que pagasse por elas.

Na sequência da detenção ao burlão, foram apreendidos oito carros das marcas Mini, Mercedes, Volkswagen, entre outras. Os carros estão avaliados em cerca de 100 mil euros.

O suspeito é indiciado por dois crimes de extorsão, uma delas agravada, 11 crimes de burla qualificada, um de burla qualificada na forma tentada, 11 de falsificação de documentos e dois de furto, um dos quais qualificados e ficou em prisão preventiva.

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp

Siga-nos no FACEBOOK

Outras Notícias

Veja também

Junte-se ao grupo Alerta Crime Portugal

Alertas de furto e roubo

Ocorrências Registadas pela Comunidade

Foi vítima de Crime?